segunda-feira, 18 de setembro de 2017

MULHER QUE MATOU NAMORADA NA SAÍDA DE MOTEL DÁ SUA VERSÃO. LEIA!

Mulher que matou namorada na saída de motel dá sua versão. Leia! (Foto: Reprodução/Facebook)
Dyone Reis - de óculos - contou, durante depoimento, os detalhes que levaram à morte de sua namorada. (Foto: Reprodução/Facebook)
Dionéia Reis Pinto, mais conhecida como Dyone Reis, apresentou sua versão para a morte da namorada Laura Maria, durante depoimento ao delegado Caio Lobo, plantonista da Seccional de São Brás, na madrugada de sábado (16). A informação foi repassada pela Polícia Civil na tarde deste domingo (17). Dyone está presa no Centro de Recuperação Feminino (CRF), em Ananindeua. 
De acordo com a Polícia Civil, Dyone contou que morava com a vítima e, na noite do crime, elas tinham brigado. Após a discussão, Laura Maria saiu de casa e ficou acompanhando a namorada Dyone pelo rastreador do veículo. Ao ver a localização, foi até Dyone e descobriu que ela estava no motel. 
Após algum tempo, Laura Maria flagrou Dyone deixando o local acompanhada, o que gerou uma discussão. Dyone afirmou, em depoimento, que a vítima se jogou em cima do carro, tentando impedir que ela saísse do motel, e desequilibrou, batendo a cabeça. Ela relatou ainda que saiu do local com a acompanhante e, logo em seguida, voltou para prestar socorro, porém, a vítima já estava morta. 
A Polícia Civil detalhou ainda que ao retornar ao motel, viaturas da Polícia Militar já estavam no local e Dyone se apresentou aos policiais, sendo encaminhada para a Seccional de São Brás. 
O delegado Caio Lobo autuou Dyone Reis por homicídio culposo, quando não há a intenção de matar. Ele solicitou ainda as imagens de segurança do motel. Um funcionário que também presenciou o crime deve ser ouvido durante a semana. A acompanhante de Dyone foi ouvida e liberada.  
(DOL)
 
▲ Topo>