quarta-feira, 23 de agosto de 2017

MÃE É ASSASSINADA NA FRENTE DA FILHA DE 5 ANOS NO COQUEIRO

Mãe é assassinada na frente da filha de 5 anos no Coqueiro (Foto: Via Whatsapp)
(Foto: Via Whatsapp)
Um crime que primou pela brutalidade e total falta de amor do assassino. Ontem de noite, uma menina de quatro anos ficou orfã, sendo que assistiu o bandido matar a mãe com um tiro na cabeça. E tudo por causa de uma bolsa. O matador fugiu e ainda não foi localizado. Foi mais uma vítima, que perdeu a vida para a criminalidade que tomou conta de Belém e do Pará.
O delegado Fernando Bezerra, da Divisão de Homicídios da Polícia Civil, informou que Aurilene Valente Lemos, 32 anos, estava com a filhinha na passagem Maria de Nazaré, que fica nas proximidades da rodovia Mário Covas, em Ananindeua, na Grande Belém.
Por volta das 19h, que era o horário em que todo dia a mãe ia buscar a filha na aula, um carro preto parou perto delas e um bandido saltou do veículo. Estavam a uma distância de 150 metros da rodovia quando o latrocida anunciou o assalto. O delegado não soube precisar se ela reagiu, mas logo em seguida o bandido atirou contra a cabeça dela.
O sangue jorrou e sujou os cadernos da menina, que a tudo assistiu. O criminoso entrou no carro e fugiu. Um grupo de aproximadamente 20 vizinhos da vítima começou a chorar e as lágrimas misturavam revolta e impotência perante a crueldade e frieza do crime. A bolsa de Aurilene foi levada. Até o fechamento dessa edição, o autor do latrocínio não havia sido identificado e nem preso.
(Com informações de Antônio Melo)
 
▲ Topo>