quarta-feira, 5 de outubro de 2016

Prorrogado inquérito sobre suposto espancamento

Prorrogado inquérito sobre suposto espancamento (Foto: Reprodução)
O prazo de conclusão do inquérito que investiga a morte do estudante de 12 anos deve ser prorrogado. O aluno morreu após sofrer um ferimento na Escola Estadual Santo Afonso, no bairro do Telégrafo, em Belém, onde ele teria sido espancado.
De acordo com a Polícia Civil, a delegada Adriana Magno, da Divisão de Atendimento ao Adolescente (DATA), responsável pelo caso, pediu nesta terça-feira (04) à Justiça a prorrogação do prazo de conclusão do inquérito sobre o caso, como forma de concluir a investigação dentro do prazo legal, conforme previsto em lei. 
As investigações prosseguem. A previsão da delegada é concluir o trabalho em até dez dias.
Mais de dez pessoas já foram ouvidas, entre testemunhas, funcionários da escola, familiares e outras pessoas que participaram do atendimento ao menino. 
A delegada ainda não chegou a um consenso sobre a causa da morte, uma vez que o laudo pericial não aponta a causa da hemorragia que levou à morte da criança. 
(Com informações da Polícia Civil)
 
▲ Topo>