terça-feira, 11 de outubro de 2016

BEBÊ DE 5,7 KG TEM BRAÇOS QUEBRADOS DURANTE PARTO NORMAL EM NOVO PROGRESSO

Um bebê que  ainda não tem certidão de nascimento, mas com nome de Davi já foi parar num registro de delegacia. O bebê nasceu com 5,7 kg , ficou preso e teve os braços quebrado durante o parto no Hospital Municipal em Novo Progresso, a negligência médica foi parar nas redes sociais e com certeza a mãe vai registrar queixa de lesão corporal.
A mãe Josiane,  alega que tudo aconteceu depois que trocaram a cesariana por um parto normal.  Segundo a família, a grávida Josiane  estava com nove meses de gravidez e sentia dores do parto quando procurou o Hospital da cidade. A criança nasceu pesando 5,7 Kg, caso considerado raro.
“Ela foi para o HMNP, chegando lá o médico pegou exames e confirmou que a criança estava para nascer, e comentou que pesava pouco mais de 2 kg,  mas todas as vezes que trocavam os plantonistas,  falavam que não estava na hora da criança nascer”, seria necessária uma cesárea, mas o médico conhecido no Hospital como Dr. Ary provocou o parto normal e tirou a criança a força, machucando o braço ao constatar o tamanho da criança, o parto complicou e explicou a família.
O Bebê Davi foi transferido às pressas para o Hospital na cidade de Santarém-Pa, distante 780 quilômetros de Novo Progresso e segundo a família foi constatado o braço quebrado, oxigênio no cérebro e com liquido no pulmão, tipo de negligência médica, divulgam.
Os familiares alegam que pediram para que fosse feita uma cirurgia para retirar o bebê, mas o médico  se negou.
Outro Lado
A reportagem do Jornal Folha do Progresso solicitou informações ao diretor do Hospital Municipal Jaderson Pantoja, mas até o fechamento desta edição não houve qualquer manifestação.
Segundo informações a criança tem estado de saúde considerado estável, embora de muitos cuidados.
Fonte: Jornal Folha do Progresso
 
▲ Topo>