sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Moradores denunciam tráfico em local público

Moradores denunciam tráfico em local público (Foto: Via WhatsApp)
Muito barulho, venda e consumo de drogas, discussões e outros problemas já fazem parte da triste rotina de moradores do trecho entre as travessas WE 4 e WE 6 do Conjunto Cohab, no distrito de Icoaraci, região metropolitana de Belém.
Apesar de abordagens esporádicas, a Polícia não estaria mais intimidando as ações que ocorrem na área. 
Segundo moradores da área que preferem não se identificar, há cerca de dois meses uma academia ao ar livre que fica no trecho é ocupada diariamente por dezenas de pessoas, que vendem e consomem drogas, deixam lixo pelo chão e incomodam quem mora no local."Toda noite rola tudo: maconha, pó... Já procuramos as autoridades competentes, mas o carro da Polícia passa, verifica alguns jovens e vão embora", desabafa uma moradora.
Em montagem de fotos enviada por uma moradora é possível ver a aglomeração de pessoas no trecho e a sujeira que fica no local. Foto: Via WhatsApp

Ainda de acordo com ela, "a Polícia não itimida mais. Eles vão e depois voltam. Amanhã é sexta e a rua estará lotada de novo", lamenta. A aglomeração de pessoas causa ainda outros riscos, como o medo de assaltos, brigas e acidentes, já que terminam ocupando também a via pública.
Praça perigosa
Outra área em Icoaraci que já foi denunciada por moradores pelos mesmos problemas é uma pequena praça que fica localizada na travessa Itaboraí, próximo da chamada 4ª Rua do distrito. Lá, diariamente, diversas pessoas se reúnem para consumir drogas e não raramente ocorrem assaltos, o que preocupa moradores que moram próximo ao local.
Em not, a PM informou que realiza policiamento diuturno principalmente com rondas de viaturas e motocicletas e por meio de operações preventivas e de fiscalização. A Polícia Militar orienta que a população ao ser vítima de ato criminoso faça o mais breve possível o devido boletim de ocorrência na unidade policial mais próxima, para que seja iniciado o processo investigativo acerca do crime e que, em caso de denúncia ou informação sobre ações ilícitas e envolvidos em crimes ligue para o 181 Disque Denúncia onde não é necessário identificar-se; bem como em caso de urgência, ligar para o telefone do Ciop (190).
(DOL)
 
▲ Topo>