terça-feira, 19 de julho de 2016

MPPA faz busca e apreensão em prefeitura

O Ministério Público do Estado do Pará (MPPA) cumpre nesta terça-feira (19) mandados de busca e apreensão na prefeitura de Bragança, no nordeste paraense, para investigar um suposto esquema de fraudes em processos de licitação e também atrasos no pagamento de professores e demais funcionários da educação.
Participam da operação o Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco), membros do MPPA e a Poícia Militar. No total, pela manhã, foram destacadas três equipes em três locais diferentes, ligados à prefeitura.
Os membros da Gaeco recolheram documentos e mídias para análise. 

Os mandados foram cumpridos nas secretarias municipais de Educação, Saúde e Finanças, onde foram recolhidos documentos e mídias. No gabinente do prefeito Nelson Magalhães (PPS) também foram recolhidos alguns documentos.
A operação ocorre uma semana após um grupo de professores entrar com uma ação no Ministério Público solicitando esclarecimentos sobre a demora no pagamento dos salários, atrasados desde junho. A operação prosseguirá pela tarde.
(DOL)


 
▲ Topo>